Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Notícias > Reunião com alunos e servidores
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Reunião com alunos e servidores

A reunião aconteceu na última quarta-feira no miniauditório do câmpus 

  • Publicado: Sexta, 30 de Agosto de 2019, 15h54
  • Última atualização em Segunda, 02 de Setembro de 2019, 16h06
  • Acessos: 234
imagem sem descrição.

Na última quarta-feira (28/08), às 19h, o Diretor Geral do Câmpus, prof. Álvaro Nebel esteve reunido com os alunos e servidores do turno da noite, no Miniauditório, tendo como pauta da reunião a atual conjuntura orçamentária do CaVG diante do contingenciamento anunciado pelo MEC. Na oportunidade, o prof. Álvaro relatou sobre as diversas reuniões ocorridas desde maio com a comunidade do câmpus e da decisão tomada pelo Colégio de Dirigentes do IFSul, em julho passado, onde o orçamento passou a ser descentralizado pela Reitoria conforme a situação dos saldos de empenhos em cada unidade, para atender aos contratos obrigatórios.

Com esta decisão, todos os câmpus estão com as despesas obrigatórias de agosto empenhadas. Com a previsão de mais uma parcela que será liberada em setembro, o IFSul (e os 14 câmpus) terão estas despesas com cobertura até o final de setembro. Para outubro, a condição de manter o funcionamento do câmpus dependerá de eventual descontigenciamento do orçamento por parte do MEC.

O Diretor ressaltou que, nas atuais condições, “estamos mantendo apenas os contratos obrigatórios ao funcionamento do câmpus, como terceirizados, energia elétrica, água e internet. Estão suspensas visitas técnicas, diárias, novas vagas de estagiários, bolsas de pesquisa e extensão, além dos materiais de consumo para uso nos laboratórios e aulas práticas, entre outros.”

Ressaltou que nestas condições, o câmpus está funcionando de forma precária, o que compromete a qualidade do ensino oferecido, visando à formação ampla e integral dos alunos. Usou o exemplo de um curso do câmpus, onde alguns alunos estão mobilizados em arrecadar dinheiro, com pedágios, jantas e etc., a fim de participarem de um congresso. “Esta é uma situação que mostra a atual falta de recursos do câmpus. Com o bloqueio no orçamento não temos como realizar estas importantes atividades acadêmicas”, relatou o Diretor. 

registrado em:
Fim do conteúdo da página